Starting from zero...

Com a casa alugada e colchoes, precisavamos apenas... do resto. De tudo. De tanta coisa que nem sabiamos por onde comecar. Nao dava pra sair comprando por questoes financeiras, de tempo e disposicao. Eu ja tinha feito uma listinha de " basicos" que no final nao segui muito, porque quando voce ve os valores, o que estah disponivel, prazos de entrega, etc, vc comeca a priorizar de forma diferente. Decidimos que iriamos comprar as coisas conforme a necessidade fosse aparecendo.

Ao mesmo tempo, nao queria sair comprando qualquer coisa - so as mais baratas, por exemplo, ou algo provisorio - e nao por frescura. Algumas coisas muito baratas tem uma duracao muito curta (tive experiencia disso qdo cheguei aqui, comprei uns temporarios que duraram muito, MUITO menos do que eu esperava)  e pensar no " ah, depois se estragar compramos outro" nao nos agradava. Pelo desperdicio de dinheiro e de material. Uma coisa usada por pouco tempo e depois "jogada fora" eh dinheiro gasto de qualquer forma, seja ele pouco ou muito. Sem contar o lixo que gera. E sentiamos que precisavamos respeitar esse dinheiro. Honrar a ajuda recebida de tantas pessoas, amigos e desconhecidos. Respeitar nao significava " gastar" e sair adquirindo luxos - nao tinhamos ganho na loteria, tinhamos na verdade perdido todos os nossos bens materiais - mas adquirir bens que nos servissem por mais tempo, com alguma qualidade. E que nos deixassem felizes, que gostassemos.

Mas... enquanto as pessoas nos diziam ' ah, que gostoso eh fazer shopping, eh como se voces tivessem casado de novo"... fazer shopping nessa situacao acabava sendo bastante cansativo. Ter que priorizar, decidir sob pressao com o receio de fazer escolhas erradas... eu ja sou do tipo que pesquisa muito antes de comprar algo onde a qualidade eh algo essencial - panelas e eletrodomesticos, por exemplo... imaginem ter que fazer isso por obrigacao. Not really fun.

Amigas ajudaram com dicas e sugestoes. Minha amiga Debora fotografou todos os itens de cozinha da casa dela =) e me mandou para eu fazer uma lista ' visual". Tivemos que fazer escolhas - trocar o faqueiro que eu amei por outro em funcao do valor, nao comprar as panelas favoritas em prol de outras que pareciam mais convenientes para o momento. Abrir mao de ter a batedeira igual a que eu amava, perdida no incendio. Mas ainda assim, nao tinha o menor direito de reclamar de nada. Estavamos bem, tinhamos carinho e amigos.

Num desses dias de shopping, cansados, chegamos em casa e havia uma caixa grande enderecada a nos na porta. Sem remetente. Abri, surpresa, e vi que era um jogo de panelas lindo. Nao conseguia identificar de quem tinhamos recebido esse presente. Achei um nome masculino que nao reconheci, com endereco. Nao sei como, cheguei a conclusao que poderia ser de uma conhecida minha, nao tao chegada. Confirmado: as panelas vieram da Carol Guedes (o nome na caixa era do marido dela). Eu estava speechless. Como assim, receber presentes?? Mais do que ja estavamos recebendo pelos fundraisers? Nao sabiamos se riamos ou choravamos de emocao. 

Entre tantas mensagens que eu recebia via email, whatsapp, facebook e sms, algumas pediam meu novo endereco. Uma dessas pessoas, quando pediu, eu tinha a CERTEZA de que seria para que ela me enviasse um cartao de boa sorte. Estava achando o maximo da delicadeza.

Eu nao a conheco pessoalmente, apenas via Facebook. Ela chama-se Olimpia Campos, brasileira, mora no Tenessee. Ha alguns anos quase nos conhecemos pessoalmente durante o Inspired em North Carolina, onde estive com a Sandra, mas ela teve um contratempo e nao pode ir.

Para minha surpresa, a Olimpia me mandou uma caixa enorme... ENORME... lotada de itens de scrapbook. Papeis, adesivos, tesouras, jogo de lapis aquarelaveis, canetinhas, aquarela, embelishments, albuns, flores, botoes, carimbos, carimbeiras, fitas tecidinhos, latinhas, necessaires, papeis artisticos... e um lindo cartao.

Como assim? Como alguem que eu quase nao conheco manda tantos, tantos materiais novissimos? O que explica esse desprendimento, essa gentileza, esse carinho?

Se isso nao eh amor, eu nao sei o que eh <3.